Joel on Software

Joel on Software   Joel sobre Software

 

Outros artigos de "Joel on Software" em Português

Outros artigos de "Joel On Software" em Inglês

Escreva ao autor(Apenas em Inglês)

 

Carta sobre Estratégia V
quarta-feira, 12 de Junho de 2002

Durante os meus tempos de Universidade, frequentei dois cursos de introdução à economia: Macroeconomia e Microeconomia. O curso de macro estava repleto de teorias do tipo “baixo desemprego causa inflação”, que nem sempre eram compatíveis com a realidade. Mas micro era simultaneamente interessante e útil. Estudávamos vários conceitos sobre as relações entre a oferta e a procura que realmente funcionavam. Por exemplo, se um nosso concorrente decide baixar os preços, a procura do nosso produto irá diminuir a não ser que igualemos os preços dele. No episódio de hoje, vou mostrar como, usando um desses conceitos, é possível explicar muito sobre o perfil de algumas conhecidas empresas de informática. Ao longo do tempo reparei em algo muito interessante acerca das aplicações em código aberto: muitas das empresas que estão a gastar rios de dinheiro para desenvolver aplicações em código aberto estão a fazê-lo porque acreditam que é uma boa estratégia de negócio para eles, não porque tenham repentinamente deixado de acreditar no capitalismo e se apaixonado profundamente pela “liberdade de expressão” . Carta sobre Estratégia V

Fogo e Movimento
domingo, 6 de Janeiro de 2002

Muitos dos meus dias são assim: (1) chego ao trabalho (2) verifico o meu correio electrónico, consulto a Web, etc. (3) decido que bem podia almoçar antes de começar a trabalhar (4) regresso do almoço (5) verifico o meu correio electrónico, consulto a Web, etc. (6) finalmente, decido que deveria começar a trabalhar (7) verifico o meu correio electrónico, consulto a Web, etc. (8) decido outra vez que realmente devo começar a trabalhar (9) executo o maldito editor e (10) escrevo código sem parar, enquanto não descubro que já são 19 e 30.

Algures entre os passos 8 e 9 parece existir uma falha, porque nem sempre consigo atravessar esse abismo.

Compilações Diárias são Suas Amigas
sábado, 27 de Janeiro de 2001

Quando você usa controlo de versões de código, às vezes um programador acidentalmente faz o checkin de alguma coisa que vai fazer com que a compilação falhe. Por exemplo, ele adicionou um ficheiro de código novo, mas esqueceu-se de o adicionar ao repositório de código. Ele bloqueia o seu computador e vai para casa, esquecido e feliz. Mas ninguém mais pode trabalhar, logo têm de ir para casa também, tristes.

 

Fazer falhar uma compilação é tão mau (e comum) que ajuda fazer as compilações diárias, para estarmos certos de que nenhuma falha passa despercebida. Em grandes equipas uma boa maneira de assegurar que as falhas são corrigidas imediatamente é fazer uma compilação todas as tardes, por volta da hora do almoço. Toda a gente deve fazer o máximo de checkins antes do almoço. Quando voltam do almoço a compilação está feita. Se trabalhou, fixe! Toda a gente faz o checkout da última versão do código e continua a trabalhar. Se a compilação falhou, você corrige, mas todos os outros continuam a trabalhar com o código antes da compilação, sem falhas.

 

Na equipa do Excel tínhamos uma regra que quem quebrasse a compilação, tinha como castigo cuidar das compilações até que outra pessoa quebrasse a compilação. Isto era um bom incentivo a não quebrar as compilações, e uma boa maneira de fazer a rotação de todo o pessoal pelo processo de compilação e assim toda a gente aprendia como funcionava.

 

Leia mais acerca das compilações diárias no meu artigo Compilações Diárias são Suas Amigas. 

 

O Teste do Joel: 12 Passos para Escrever Melhor Código
quarta-feira, 9 de Agosto de 2000

Já ouviu falar da SEMA? Trata-se de um processo esotérico imparcial para medir a qualidade de uma equipa de software. Vai demorar-lhe cerca de seis anos só para o perceber aquilo. Por isso resolvi fazer o meu próprio processo, bastante irresponsável e descuidado, para calcular a qualidade de uma equipa de software. A parte boa disto é que o processo em si demora cerca de 3 minutos. Com todo o tempo que poupa poderá ir estudar medicina.




O Joel Spolsky é o fundador de Fog Creek Software, uma pequena companhia de software em Nova Iorque. Licenciou-se na universidade de Yale, e tem trabalhado como programado e director na Microsoft, Viacom e Juno.


Os conteudos destas paginas representam a opinião de uma pessoa
Todos os conteudos sob o Copyright ©1999-2005 por Joel Spolsky. Todos os direitos reservados.

FogBUGZ | CityDesk | Fog Creek Software | Joel Spolsky